Gorjeta e ganho com o financiamento passam a ser receita bruta de empresa

Publicado em 26 de setembro de 2016

Uma determinação do Conselho Gestor do Simples publicada no Diário Oficial incluiu quatro itens como geradores de faturamento da empresa. São eles: ganhos com aluguéis e royalties, juros de financiamentos que clientes tomam, patrocínios que as empresas recebem e as gorjetas.

O Simples, regime tributário específico para empresas de pequeno porte, é exclusivo para negócios que faturam até R$ 3,6 milhões por ano, caso não exportem.

Comente e leia os comentarios
0 comments Classificar por
    No comments